Celulite

Tratamento de Lipodistrofia Ginóide
Conhecida também como celulite, é caracterizada principalmente pelo aparecimento de ondulações da pele, dando a esta o aspecto de casca de laranja. É causada por alterações no tecido gorduroso sob a pele, em conjunto com alterações na microcirculação e conseqüente aumento do tecido fibroso. Os tratamentos são diversos, podendo ser alternados entre uma e outra sessão, sendo todos eficazes e indolores, a base de cosméticos específicos, ultrassom, endermologia (vacuoterapia), drenagem linfática e carboxiterapia.

Celulite
A celulite atinge cerca de 90% das mulheres não importa se são magras ou gordas, altas ou baixas, loiras, ruivas, morenas ou negras. A celulite significa um desequilíbrio do metabolismo lipídico e do fluxo de líquidos na mulher, isso leva a um acúmulo de gorduras e se apresenta na forma de ondulação ou nódulos (aspectos casca de laranja).

O mecanismo de geração da celulite é extremamente complexo e essas alterações vão se instalando de forma gradual e progressiva. Num determinado momento da vida da mulher os capilares sangüíneos deixam extravasar mais líquidos para o tecido de costume, formando-se um edema. Esse edema comprime os capilares, acentuando ainda mais a diminuição circulatória e o edema (retenção de líquidos). Ao mesmo tempo, ocorre uma redução das trocas entre as células e o sistema circulatório, que faz com que as células adiposas armazenem gordura em excesso e aumentam de volume, e que juntamente com o edema passam a comprimir todas as estruturas ali presentes.

Estágio1: Nessa fase a celulite já começou mas não é percebida. Só é possível ver os furinhos quando pinça a pele.

Estágio2: A celulite passa a ser visível e pode ser sentida por palpação. A pele ganha um aspecto acolchoado em conseqüência do inchaço, endurecimento das fibras e do acúmulo de substâncias no interior do tecido, o que faz aparecer ondulações na superfície da pele. Nesse estágio a presença da celulite acaba gerando mais celulite.

Estágio3: Esta é a fase que aparecem os nódulos celulíticos e os sinais são bem visíveis, não necessitando a palpação para serem percebidos: aspecto acolchoado, edema, microvarizes, inchaço nas pernas, flacidez do tecido, e até sensação de pernas pesadas e câimbras.

Estágio4: É o estágio mais avançado, as fibras de colágeno e elastina se agrupam, formando cicatrizes internas, que junto com os nódulos de gordura estrangulam os vasos e prejudicam a fluidez do sangue. E também comprimem os nervos causando dor espontânea com palpação.

DICAS
A celulite não tem cura, mas pode ser controlada. Alguns hábitos saudáveis ajudam a atenuá-la.

Tome bastante água ou sucos de frutas durante o dia, troque doces por frutas de baixa caloria. Controle a gordura e diminua o sal, que retém líquidos.

Diminua o cafezinho, o fumo e as bebidas alcoólicas.

Faça exercícios periódicos e moderados, saia pra dançar, caminhe sempre que puder.
Opte por roupas que fiquem bem com o seu corpo. Nada de peças apertadas. A pele precisa respirar e a circulação, fluir.

Se você passa muito tempo em pé ou sentada, procure caminhar para melhorar a circulação sanguínea!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>